O Que é Gergelim? Para Que Serve? Quais os Benefícios? Curiosidades!

Você sabia que Gergelim é uma semente que traz diversos benefícios à saúde? No Brasil, porém, esses benefícios não costumam ser tão aproveitados, pois aqui se consume uma quantidade uma pequena dele. O Gergelim, no Brasil, é mais consumido quando colocado em cima de pães, por exemplo. Essa quantidade extremamente pequena é difícil de trazer os excelentes benefícios que ele proporciona ao organismo.

Para que serve o Gergelim?

O Gergelim possui diversas propriedades nutricionais, assegurando as boas condições de saúde do nosso organismo. A semente é fonte de ferro, cálcio, magnésio e  cobre. Ainda contém tiamina, zinco, fibras, ácido fólico, vitamina B 6, triptofano e proteínas.


Essa sementinha ajuda, por exemplo, na prevenção do câncer e da diabetes. Ainda faz bem ao coração, evita o processo e envelhecimento precoce, ajuda emagrecer, entre outras vantagens.

Quais os benefícios e malefícios do Gergelim?

Como mencionado, são muitos os benefícios do Gergelim ao organismo, embora seu consumo excessivo possa fazer mal. Porém, primeiramente, confira os principais benefícios que essa sementinha traz a nossa saúde:

  • Controla a pressão: diversos estudos recentes vêm apontando que o consumo do Gergelim ajuda a reduzir a pressão arterial, prevenindo, assim, problemas cardíacos. Isso se dá devido à presença do magnésico na semente. Pesquisas indicaram com consumir a quantidade de uma mão cheia das sementes oferece cerca de 25% do magnésio necessário por dia e para beneficiar o organismo.
  • Auxilia prevenção do câncer: o magnésio presente no Gergelim ainda auxilia a prevenir o avanço de processos de câncer. Uma pesquisa feita e publicada no “Jornal Americano de Nutrição Clínica” demonstrou que o magnésio presente no Gergelim reduziu em mais de 15% o risco do desenvolvimento de cânceres diversos. Além disso, essas sementes contém sesamina um agente que tem demonstrado eficácia na morte de células cancerígenas que causam a leucemia e os cânceres de próstata, cólon, pulmão, mama e pâncreas.
  • Evita o envelhecimento da pele: um pele mais jovial é possível com o consumo regular do Gergelim. Isso porque o Gergelim contém grandes níveis de antioxidantes e protegem a cútis da ação nociva do sol, que produz manchas e rugas na pele. Essas sementinhas ainda possuem boas quantidades de zinco, que estimulam o organismo a produzir mais colágeno – substância que dá sustentação e jovialidade à pele.

um pote de gergelim

Mais excelentes benefícios do Gergelim

  • Ajuda a emagrecer: o Gergelim possui altas quantidades de fibras. Isso faz o intestino funcionar regularmente – algo essencial para emagrecer. Ainda dá sensação de saciedade, reduzindo a fome e, em consequência a ingestão de calorias.
  • Bom para desenvolver os músculos: o Gergelim é uma semente extremamente rica em proteínas. São cerca de 5 g de proteína para apenas 28 g de Gergelim. Assim, o consumo da semente ajuda muito na força muscular e no desenvolvimento da musculatura de quem faz exercícios, como a musculação. Pode ser ainda um excelente aliado para quem procura a hipertrofia.
  • Ajuda no controle da diabetes tipo 2: devido à presença do magnésio no Gergelim, o consumo das sementes contribuem para evitar o aparecimento da diabetes do tipo 2. Além disso, reduz os níveis glicêmicos do sangue, ajudando os portadores de diabetes do tipo 2 a manterem a doença sob controle de forma mais natural.
  • Bom para os osso: o Gergelim é rico em cálcio, fósforo e zinco. Tais nutrientes são essenciais para ajudar o organismo a desenvolver mais força nos ossos. Ainda ajuda a prevenir a osteoporose em pessoas com mais idade.
  • Regula os níveis de colesterol: os fitoesterois presentes no Gergelim têm a capacidade de reduzir os níveis do colesterol ruim do sangue (LDL). Com isso, o coração se torna mais protegido e prevenido de possíveis problemas e doenças. Além disso, o Gergelim ainda aumenta o colesterol bom (HDL), devido conter ácidos oleicos.

Outros benefícios

  • Alivia os sintomas da artrite: Ele é rico em cobre – tal nutriente tem efeito anti-inflamatório. Com isso, os portadores de artrite podem se beneficiar com o consumo da semente, que reduz as dores causadas pelo problema.
  • Proteção contra a radiação: Ele protege o nosso DNA dos efeitos maléficos da radiação. É, assim, um excelente aliado para proteger as células saudáveis de pessoas com câncer ou outras doenças tratadas com processos de radiação. Também evita os malefícios para células, em pessoas que vivem ou ficam expostas à radiação, pois evita a mutação celular.
  • Boa para a saúde bucal: as sementes contém propriedades antibacterianas que agem também na boca. Evita o aparecimento de cáries e ainda ajuda a clarear os dentes, além de aumentar a força dos ossos que formam nossa arcada dentária.
  • Alivia dores de cabeça:  o magnésio, encontrado em abundância, consegue aliviar dores de cabeça ou mesmo enxaquecas. Isso porque promove um efeito antiespasmódico nos vasos sanguíneos, cessando crises de dores de cabeça ou enxaqueca. O cálcio também ajuda nessa tarefa de aliviar essas dores.
  • Bom para o sistema respiratório: o Gergelim possui nutrientes que evitam e aliviam o sintoma de doenças, como a bronquite e a asma. Ainda preveni a pessoa de contrair  gripes ou resfriados.
  • Reduz a ansiedade: o magnésio, o cálcio, a tiamina e o triptofano ajudam a aliviar os sintomas ruins da ansiedade. Também aliviam o estresse excessivo. O Gergelim ajuda o sistema nervoso a se acalmar e atingir sensações de bem-estar emocional.

Benefícios e malefícios do consumo exagerado

  • Ajuda a prevenir a esclerose múltipla: o Gergelim ajuda a evitar o aparecimento da  esclerose múltipla, Isso ao reduzir a atividade da secreção IFN-GAMA. Tal agente causa inflamações e lesões no sistema nervoso, que levam ao desenvolvimento da doença.
  • Auxilia a curar a anemia: devido à alta quantidade de nutrientes que ele possui, em especial o ferro, as sementes são excelentes aliadas para curar a anemia. Seu consumo também evita deficiências nutricionais em quem se alimenta de forma inadequada.

Por outro lado, mesmo com tantos benefícios, o consumo exagerado das sementes do Gergelim podem fazer mal à saúde. Pode, por exemplo, causar irritações no cólon e no estômago, além de diarreia e dores de barriga.

Propriedades medicinais

Diversos são os benefícios do Gergelim para a nossa saúde. Entre as suas propriedades medicinais está a prevenção da diabetes e redução da glicose no sangue. Além disso, as sementinhas previnem contra diversos tipos de câncer, além de desacelerar o processo de envelhecimento do organismo e auxiliar na perda de peso.

Ainda tem efeito anti-inflamatório, ajuda na boa saúde bucal, cura a anemia e faz bem à saúde mental/emocional.

Gergelim emagrece?

Sim, é uma grande aliado para ajudar na perda de peso, pois faz o intestino funcionar adequadamente – algo essencial para quem quer perder peso. Ainda diminui bastante o diminuir apetite, fazendo a pessoa sentir muito menos fome e, assim, ingerir menos calorias.

Ele também contribui para as pessoas que malham a definir e ganhar músculos, devido a sua alta concentração de proteínas. Apenas 28 g das sementinhas contém cerca de 5 g de proteínas.

Receitas e pratos especiais

alguns gergelins

Você quer se beneficiar das propriedades do gergelim? Então é preciso consumir uma quantidade considerável da semente. Uma boa forma de conseguir isso é comer, diariamente, barrinhas. Elas fornecem boas quantidades da sementes, além de serem deliciosas.

A seguir você aprende como fazer as barrinhas de gergelim:

Barrinha

Ingredientes:

  • 350 g de gergelim
  • 200 ml de água
  • 350 g de açúcar mascavo
  • 1 pitada de cravo-da-Índia moído
  • 1 colher de chá de canela em pó
  • suco de 1/2 limão

Modo de Preparar:

  1. Providencie um frigideira anti-aderente e doure as sementes.
  2. Dissolva o açúcar mascavo em água e leve ele para ferver, até douras e  formar um xarope
  3. Adicione o Gergelim dourado, o cravo, a canela e o suco de limão
  4. Mexa a mistura por uns 3 minutos
  5. Distribua a mistura em uma bancada de mármore
  6. Abre a massa que se formou com um rolo de cozinha, até que adquira uma espessura de cerca de 1 cm.
  7. Com a ajuda de uma faca, desgrude a massa da mancada e corte em formato de barrinhas.
  8. Consuma de 1 a 2 barrinhas de Gergelim diariamente, entre as refeições

Como é a planta?

A planta que dá o Gergelim é compacta e cresce para cima. Possui folhas de tamanho médio, na coloração verde fosca. Pode atingir até 2 metros de altura. Produz flores branco-arroxeadas.

Possui bastante folhas. Produz ainda folhas parecidas com a vagem, de onde saem as sementes que consumimos.

um monte de gergelim

Curiosidades

Agora que você já sabe diversas coisas sobre o Gergelim, conheça algumas curiosidades sobre essas sementes:

  • Acemente é chamado também de sésamo, no Oriente
  • O gergelim chegou ao Brasil no século XV, trazido pelos Portugueses
  • Durante muito tempo as pessoas cultivavam as árvores de gergelim no quintal de suas próprias casas
  • A planta do gergelim tem a capacidade de espantar das hortas as formigas da espécie Saúva. Esses insetos são responsáveis pela destruição de plantações

Pergunta dos leitores

Qual a quantia diária de Gergelim, devo consumir?

Os nutricionistas recomendam que para usufruir dos benefícios do Gergelim, devemos ingerir uma colher de sopa cheia das sementes diarimente.